Como fazer o Trackeamento de alunos no Transporte Escolar

tempo de leitura: 4 minutos

Como monitorar os passageiros durante o trajeto de Transporte Escolar. Garantindo um serviço seguro, eficiente e transparente.

Track é uma palavra inglesa que remete a ações de Monitoramento/Rastreamento no trânsito. Nesse sentido, o Trackeamento pode ser entendido como acompanhamento do objeto rastreado.

Esse objeto não é necessariamente um veículo ou bem material. Ele pode ser voltado aos passageiros. Nessa direção, o Trackeamento consiste no acompanhamento de passageiros. Desde o embarque ao desembarque. Mais do que as informações sobre o veículo, este novo conceito informa, em tempo real, as condições dos estudantes. Assim, é possível tomar medidas mais eficazes e garantir a segurança desses passageiros.

Por que Trackeamento de alunos?

O Rastreamento é geralmente relacionado ao monitoramento de veículos. No entanto, rastreadores de veículos são insuficientes em certos tipos de transportação. É o caso do Transporte Escolar, como discorremos neste comparativo.

Assim, para diferenciar as funções, existe o termo Trackeamento de Alunos. Este diz respeito ao monitoramento em tempo real do estudante. Durante todo o trajeto à escola.

Diferentemente dos rastreadores veiculares, a tecnologia de Trackeamento possibilita o acompanhamento dos alunos. Isso do início ao fim do serviço. Assim, o Transporte Escolar se torna mais seguro para a criança. Além de permitir maior controle dos gestores e tranquilidade para os pais.

Como-fazer-o-Trackeamento-de-alunos-no-Transporte-Escolar-SEGURANÇA-PARA-PASSAGEIROS

Segurança para os passageiros

Os rastreadores veiculares garantem certo nível de segurança no trânsito. Mas não são capazes de proporcionar dados reais sobre os passageiros.

Exemplo disso são os inúmeros casos de esquecimento de alunos no Transporte Escolar. No ocorrido em Macaé, um menino de 4 anos não foi desembarcado. Esquecido por horas no veículo escolar, a criança apresentou diversos problemas de saúde.

Assim, rastrear o veículo não significa monitorar a entrada e saída dos alunos. Neste sentido, essa tecnologia é limitada. Pois não informa a realidade no trajeto de escolares. Os alunos podem não ser entregues como deveriam, e o rastreador não identificará a diferença.

Desta forma, Trackear os alunos é uma medida para sanar esse problema. O foco deixa de ser o veículo e passa a ser a criança. Logo, tudo o que acontece com o estudante é monitorado. No embarque, durante a viagem até o desembarque. Isso gera uma segurança real para os passageiros.

Como-fazer-o-Trackeamento-de-alunos-no-Transporte-Escolar-COMO-TRACKEAR-ALUNOS

Como Trackear alunos no Transporte Escolar

Rastrear veículos pode parecer mais fácil do que monitorar a transportação de pessoas. Mas essa impressão é incorreta. Escolhendo a tecnologia certa, você pode Trackear alunos ainda mais facilmente.

Tecnologias de Trackeamento mais modernas envolvem simples cartões magnéticos. O leitor é instalado no veículo, sem corromper sua integridade, e pronto! Cada aluno passa seu cartão e começa a ser monitorado. O monitoramento acaba no final da prestação do serviço. Assim, a criança é acompanhada durante todo o percurso.

Veja agora o passo a passo para começar a Trackear passageiros.

Passo 1: Definição dos dados que serão coletados

Antes de pensar em tecnologias, faça uma definição dos dados necessários para o monitoramento. Pense em informações como:

  • Nome completo, idade, série e endereço do aluno
  • Identificação do veículo de transportação
  • Alunos por veículo
  • Dados do motorista responsável
  • Dados do monitor responsável
  • Rotas previamente traçadas

Passo 2: Definição do instrumento de pesquisa

A sua pesquisa pode ser manual ou automatizada. Caso você não possua um registro digital dos alunos, é possível fazer a pesquisa manualmente.

Para isso, oriente seu pessoal e formate o instrumento de pesquisa. Crie um formulário completo, contendo todos os dados definidos no primeiro passo. Depois, deixe as fichas ou formulários digitais prontos para a próxima etapa: a coleta de dados.

Passo 3: Coleta de dados

Nesta fase, você buscará os dados previamente traçados e executará a pesquisa com os recursos do passo 2. Para isso, é preciso subdividir suas ações em:

  1. Definir os pontos de coleta: onde você buscará as informações. O alvo da pesquisa e quem será entrevistado;
  2. Reunir seu pessoal: os responsáveis pela execução/coordenação do monitoramento;
  3. Definir sua infraestrutura: como as informações serão arquivadas e processadas. Os recursos para o monitoramento e a aquisição do aplicativo de Trackeamento;
  4. Levantamento de dados: depois da coleta, analise e reúna os resultados.

Passo 4: Execução

Feito isso, você está pronto para começar a Trackear Alunos no Transporte Escolar. Basta escolher a tecnologia e o aplicativo ideal. Veja aqui uma solução de aplicativo de Trackeamento de Alunos.

Assim, pais, gestores, condutores e estudantes se conectam em um único sistema. O serviço pode ser completamente monitorado pela web. Por um desktop, tablet ou smartphone. E, o mais importante, você poderá saber o que ocorre com o aluno — o bem mais precioso do Transporte Escolar.

Desta forma, o Trackeamento de Alunos fornece mais segurança na transportação até a escola. E também acompanha o trajeto de volta para casa. Isso tranquiliza os pais e proporciona maior controle para gestores.

Portanto, antes de começar a utilizar rastreadores veiculares, avalie a opção do Trackeamento. Essa é a solução mais adequada quando o assunto é tutela de passageiros. A instalação é ainda mais simples do que rastreadores como o GPS. Os benefícios são muitos e a prestação do serviço se torna eficiente e segura.

Este post foi interessante para você? Então continue acompanhando nosso Blog. Nós falaremos mais sobre aplicativos de Trackeamento. Curta nossa página do Facebook para não perder as novidades. 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *